Dezembro 29, 2017

O livro de Lamentações não é tanto uma sequência quanto uma resposta ao livro de Jeremias. O primeiro foi escrito por uma testemunha do sítio e queda de Jerusalém. Suas descrições desses eventos terríveis são frescas e vívidas. Mui provavelmente o livro foi escrito por alguém que está dentro ou perto da própria cidade arruinada, se não pelo próprio Jeremias, pelo menos por um de seus contemporâneos.

Com todo o seu pathos, Lamentações não é uma catarse emocional. É uma coleção de elegias, ou poemas formais escritos para um funeral. Cada um dos cinco capítulos de Lamentações é um poema completo em si mesmo. Esse artifício criativo comunica algo importante sobre a intenção do autor. Esses poemas não são meramente clamores do coração, embora certamente o sejam.

Entendido adequadamente, o livro de Lamentações é uma teodiceia, uma tentativa de refletir sobre o sentido do sofrimento humano e de explicar os caminhos de Deus à humanidade. Num mundo de sofrimento humano esmagador, Lamentações empresta sua voz às agonias mais profundas do luto, com a esperança de que algum conforto possa vir por meio do clamor a Deus por misericórdia.

O primeiro lamento abre com a resposta de Jersusalém a seu triste predicamento: “chora e chora de noite, e as suas lágrimas lhe correm pelas faces” (1.2a). Jerusalém foi traída por seus aliados, especialmente pelo Egito. Muitos de seus habitantes foram enviados para o exílio na Babilônia. Portanto, os peregrinos não mais a enchiam em seus dias de “reunião solene” (v. 4a). Os mercadores não caminhavam mais por seus portões, seus palácios foram esvaziados e o seu santo dos santos, profanado. A razão para a derrota da cidade, e assim da sua angústia, não era difícil de encontrar. Foi o resultado do pecado de Judá. O livro de Lamentações é uma grande ilustração do eterno princípio de que “aquilo que o homem semear, isso também ceifará” (Gálatas 6.7b).

O segundo lamento de Jeremias reconta muitas das mesmas calamidades do primeiro. Há algo saudável nisso. A cura vem por meio da memória, não do esquecimento, e é uma parte vital do processo de enlutamento confrontar honestamente o que foi perdido. O segundo lamento lida, assim, com um tipo específico de angústia, a angústia que vem de lembrar os dias que não mais existem.

Na parte final do segundo lamento, os sofrimentos de Jeremias são transformados em intercessão. A oração no final é de alguém sofrendo uma crise de fé porque ele testemunhou horrores indizíveis, de alguém que não tem respostas, só questões.

O terceiro lamento começa com o pronome “eu”. É pessoal ao invés de comunitário. Quando alguns pensam que ele pretende vir da boca de Jerusalém, ele é melhor entendido como vindo da boca de Jeremias. Ele é um lembrete de que o sofrimento sempre é pessoal. Quando as nações enfrentam tempos de tragédia e tribulação, o maior sofrimento sempre acontece a nível individual. Houve tempos em que todos os seus sofrimentos levaram Jeremias a ficar amargurado.

Todavia, no fim do terceiro lamento, parece haver uma mudança no humor melancólico do profeta. O que ele escreveu foram palavras de um sobrevivente, de um homem que sofreu grandes males sem abandonar sua confiança na fidelidade de Deus:

“As misericóridas do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade” (v. 22-23)

O livro de Lamentações é uma tentativa de refletir sobre o sentido do sofrimento humano e explicar os caminhos de Deus à humanidade.

Será que você está inadvertidamente criando obstáculos para a cura de ressentimentos passados ao focar em esquecer, ao invés de confrontar e perdoar, o que foi perdido?

Oração: Por todo o tempo tu tens abençoado o teu povo, ó Deus, e habitado dentre ele. Neste primeiro dia desse Ano Novo, inspira-nos e nos guia, para que tudo o que fazemos encontre em ti seu início e realização. No começo deste Ano Novo, imploramos a benção de Deus sobre o nosso trabalho e oramos por graça. Amém.

 

Texto extraído de Ryken, Philip G.. From Darkness to Light, from Sorrow to Hope: Lessons from Jeremiah & Lamentations. A Devotional Guide for the 2014-2015 Advent, Christmas and New Year season.

Tradução: Guilherme Cordeiro


x

Welcome to the Loyalty Points Demo Store :-)

Sign up and receive 5000 pts to test out in our Store.

Earning and redeeming pontos

$1
Earns you
5
$1
Redeems to
20

Ways you can earn

  • Product Purchase
  • Refer a friend
  • Share on social media

Learn more about our program